Entendendo o Svasthavritta: a ideia de Prevenção no Ayurveda

Durante quase todo o século passado, o ser humano celebrou o avanço da ciência e da tecnologia, especialmente na área da saúde. Isso gerou, como em muitas outras áreas, uma prepotência com relação à natureza e ao nosso corpo, deixando-nos a ideia de que podemos controlar o que quisermos, podemos consertar o que estiver errado, de forma quase indefinida e ilimitada.
medicine-assortment1-1024x576
Passamos mais de 100 anos preocupando-nos apenas em corrigir o que estivesse errado, apagando sintomas com remédios e arrancando partes defeituosas e desagradáveis através de meios cirúrgicos (criando o mito do médico-deus e fortalecendo a milionária indústria farmacêutica). E demorou muito para que pudéssemos perceber que apagar a dor não era suficiente, e que nosso corpo poderia padecer de diversas formas em novas e cruéis doenças degenerativas modernas que se mostrariam implacáveis. Quando caímos na real, passamos a buscar a sabedoria oriental, onde as práticas medicinais apontavam para a prevenção, a observação e a consciência. 

O Novo Paradigma da Saúde

Em meio ao ápice do progresso científico surgiu uma dúvida na jornada humana, principalmente nas classes altas e nas famílias ricas: se temos condições favoráveis, alimentos abundantes e tecnologia de ponta….por que não estamos felizes?
189zh9uie2xcxjpgE segue-se a essa dúvida o desenvolvimento em massa de problemas de saúde com componente psicológico e emocional imperativo (psicossomáticos), como a ansiedade e a depressão. Perceberíamos em pouco tempo que não bastava a ausência de sintomas desagradáveis nem a ausência de doenças tradicionais para que pudéssemos experimentar um bem-estar real e pudéssemos nos sentir completos e felizes. E começamos a buscar então a saúde completa e integral, a consciência corporal e a plenitude de dias tranquilos e bem vividos.

A Saúde no Conceito Ayurvédico

health-quotesA simplicidade no Ayurveda sempre impressiona, e a constatação do estado de saúde de um indivíduo segue exatamente essa linha simples e abrangente: no Ayurveda, para que alguém esteja saudável seus doshas precisam estar em equilíbrio, seus tecidos precisam estar bem estruturados e em harmonia, seu fogo digestivo deve estar pleno e sua eliminação deve estar funcionando corretamente. Checados esses fatores, uma pessoa vive de forma saudável e alcança longevidade e felicidade, percebendo-se que sua parte emocional, motivacional e crítica seguirá o caminho da saúde através de um corpo harmônico.

Svasthavritta: a base para a Saúde Completa

 A base do Svasthavritta é estruturada na rotina e nos hábitos. Ou seja, construímos a saúde no dia a dia, a cada minuto de sono reparador, em cada grama de alimento nutritivo que ingerimos. Por esse motivo o conceito  de saúde preventiva é simples, mas para nós ocidentais essa manutenção se torna tão difícil.



Ao analisamos o Svasthavritta, percebemos a verdade e a sabedoria na observação da rotina: nosso corpo é um processo, ou um conjunto de processos que funciona de forma contínua e viva, ou seja, em interação incessante consigo e com processos externos. Somos influenciados, modificados o tempo todo por nossas relações, por nossos alimentos e por nosso descanso. Tudo o que captamos influencia na constituição e na estrutura dos nossos tecidos.
banner-health4
Dessa forma, a manutenção de uma rotina saudável é a construção cotidiana, passo a passo e processo a processo, de uma harmonia corporal duradoura. Por isso os praticantes do Ayurveda são sempre encorajados a estabelecer o seu dinacharya, ou seja, a sua rotina diária adequada ao seu biotipo (dosha).
*ainda não sabe muito sobre doshas? Então leia esse artigo.

Como começar?

No cenário do Ayurveda, começar a prevenção e o caminho da longevidade tem a ver com conhecer o seu dosha e passar a entender o mundo através da relação dos gunas (qualidades). Quando se entende o biotipo e as medidas de equilíbrio do dosha, passamos a buscar processos, hábitos e alimentos adequados ao nosso corpo. Porém, o Svasthavritta não se limita ao raciocínio ayurvédico. A prevenção para uma saúde integral tem a ver principalmente com a observação, manter-se vigilante e consciente dos próprios hábitos. Evitar excessos e carências, ouvir os sinais do próprio corpo, respeitar limites e colocar para dentro apenas o que faz bem.


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s